São Paulo e Grêmio duelam pela última vaga

A 30° rodada do Brasileirão, a meu ver, definiu São Paulo (52 pontos) e Grêmio (50 pontos) como os dois concorrentes ao quarto lugar, garantindo uma vaga na Libertadores.

Tudo indica um duelo sangrento. O Grêmio ganhou seus três últimos jogos. O São Paulo venceu três dos últimos quatro encontros.

O São Paulo tem dois pontos a mais, mas terá de visitar o rival na 36° rodada. Os dois têm 14 vitórias e o Grêmio tem maior saldo de gols (52 a 31) contra 32 a 20.

As três próximas rodadas são fundamentais para o São Paulo manter a vantagem. Ele recebe Fluminense e Furacão e visita o Santos. Só o primeiro parece tranquilo.

O Grêmio recebe CSA, visita a Chape e recebe o Flamengo. Dois jogos contra times do Z-4 e um contra o quase campeão.

Se tiver mantido a diferença, o São Paulo pode sonhar em aumentá-la nas duas seguintes, quando visita o Ceará e recebe o Vasco. O Grêmio visita o Palmeiras e recebe o Furacão.

Então, em casa, contra o São Paulo, o Grêmio terá a chance de aumentar a vantagem. Ou diminuir a desvantagem.

Nas duas últimas rodadas, o São Paulo recebe o Inter e visita o CSA. O Grêmio recebe o Cruzeiro e visita o Goiás.

Os dois podem se beneficiar se o Flamengo vencer a Libertadores. Então, os dois podem entrar. De repente, um empate no confronto direto pode ajudar a classificar os dois. Já saberão o resultado de Flamengo e River Plate.

Por Menon