Um clássico de 7 minutos!

O 1º tempo foi horroroso.

Até os 25 minutos, deu raiva. Depois, sono.

O 2º tempo do Corinthians foi desanimador. Para quem criticava a retranca e a pouca agressividade do time com o Fábio Carille, hoje foi a mesma coisa.

Já o Palmeiras procurou o gol o tempo todo, mas a falta de qualidade dos atacantes impediu que a bola entrasse.

E esse foi o retrato da etapa final: o Palmeiras atacava, o Corinthians se defendia. Eis que novamente o VAR entrou em ação. Depois das reclamações do presidente Mauricio Galiotte, o Verdão não teve mais com que se preocupar em relação à arbitragem. E um pênalti que, na minha opinião, não foi absolutamente nada, acabou sendo marcado!

Gustavo Scarpa cobrou, Walter defendeu.

E quando tudo levava a crer que o clássico terminaria empatado sem gols, Michel Macedo acertou um belo chute e marcou um golaço!

E quando tudo levava a crer que o Corinthians venceria o jogo, Bruno Henrique empatou após uma vacilada da defesa.

Fim de festa. O torcedor palmeirense sabe que o titulo é do Flamengo, enquanto o torcedor corintiano aguarda 2020…

Por Benjamin Back