Cruzeiro perde, só pode ir a 42 pontos, marca que rebaixou 11 vezes em 13

Derrotado pelo Vasco em São Januário, o Cruzeiro segue estacionado nos 36 pontos. Faltando duas rodadas (enfrentará o Grêmio em Porto Alegre e o Palmeiras em Belo Horizonte), o time mineiro pode chegar no máximo a 42. Com essa pontuação a equipe somente não seria rebaixada em um dos 13 certames disputados em pontos corridos com 20 clubes na primeira divisão nacional.

Em 2014 o Palmeiras escapou do rebaixamento com apenas 40 pontos ganhos. Foi a menor marca alcançada por um time que conseguiu se safar da queda, ficando em 16º lugar. Já em 2013, quando a Portuguesa caiu por perder pontos no tribunal, sem a intervenção do tapetão o Fluminense cairia, mesmo com 46. Mas o Cruzeiro pode escapar com menos de 40 pontos acumulados.

Caso o Ceará perca suas duas últimas partidas (Corinthians em Fortaleza e Botafogo no Rio de Janeiro), não sairá dos 38 pontos e, consequentemente, o time mineiro poderá se segurar na Série A com uma vitória nesse último par de compromissos que terá pela frente. Cenário desesperador depois do 1 a 0 imposto pelos vascaínos, gol de Freddy Guarín.

16° / 17º colocados

2018 Vasco 43 /Sport 42*
2017 Vitória 43 / Coritiba 43*
2016 Vitória 45 /Internacional 43*
2015 Figueirense 43 / Avaí 42*
2014 Palmeiras 40 /Vitória 38*
2013 Flamengo 45 / Portuguesa 44*
2012 Portuguesa 45 / Sport 41*
2011 Cruzeiro 43 / Athletico 41*
2010 Atlético-GO 42 /Vitória 42*
2009 Fluminense 46 / Coritiba 45*
2008 Náutico 44 / Figueirense 44*
2007 Goiás 45 / Corinthians 44*
2006 Palmeiras 44 / Ponte Preta 39*

* rebaixado
Obs: Campeonatos com 20 clubes

Por Mauro Cezar