Veja os valores de premiação da Copa do Brasil

A Copa o Brasil de 2020 começa nesta quarta-feira e a principal novidade da competição é o aumento no já valorizado prêmio ao campeão. O vencedor da competição vai receber pelo título R$ 54 milhões, R$ 2 milhões a mais que o Athletico-PR recebeu no ano passado. No total, somando todas as fases, o campeão pode arrecadar até R$ 72,8 milhões, dependendo da fase que ele entrar.

A competição vai manter o formato das edições anteriores. Serão quatro fases preliminares até as oitavas de final, quando sobrarão cinco equipes que vão se juntar a outras 11, que começam o torneio já nas oitavas. Casos de Corinthians, Inter, Flamengo, Grêmio, São Paulo, Santos, Palmeiras, Athletico-PR, Bragantino, Cuiabá e Fortaleza.

Na primeira e na segunda fase, os valores pagos são diferentes de acordo com os grupos formados pela CBF. A entidade pagará mais para quem está melhor ranqueado. Estão no Grupo 1: Atlético-MG, Bahia, Botafogo, Chapecoense, Cruzeiro, Fluminense e Vasco. O Grupo 2 é formado por Atlético-GO, Ceará, Coritiba, Goiás e Sport. E os demais ficam no Grupo 3.

Confira a premiação da Copa do Brasil

  • 1ª fase: R$ 1,1 milhão (Grupo 1), R$ 950 mil (Grupo 2) e R$ 540 mil (Grupo 3)
  • 2ª fase: R$ 1,3 milhão (Grupo 1), R$ 1,03 milhão (Grupo 2) e R$ 650 mil (Grupo 3)
  • 3ª fase: R$ 1,5 milhão
  • 4ª fase: R$ 2 milhões
  • Oitavas: R$ 2,6 milhões
  • Quartas: R$ 3,3 milhões
  • Semifinal: R$ 7 milhões
  • Vice-campeão: R$ 22 milhões
  • Campeão: R$ 54 milhões

Por Terra